Algumas jornadas são épicas. Outras, simplesmente te fazem suar frio e sentir todos os perigos de cada página.

Perigos a cada esquina, guerreiros a cada curva

As Sombras de Arkron narra a jornada de Rirk, um garoto valente e cheio de sonhos, que passa por vários momentos trágicos e perigosos que o transformam em um exímio guerreiro.

Já crescido, Rirk sai debaixo das asas de sua lendária mentora Narder Sige para seguir seu destino, que tem muito mais guardado do que ele jamais imaginaria.

Um grupo de amigos, um mistério milenar e laços de sangue sombrios aguardam Rirk nesta história cheia de ação e fantasia visceral.

O livro é trazido pela Skull Editora com uma arte e diagramação impecáveis e muito acima do que se espera de uma primeira edição. A narrativa discorre por mais de 200 páginas pólen 80 de 16×23 cm.

Entrevista com o autor Diego Canuto

Diego Canuto na Bienal de São Paulo

R2PG: Quem está envolto nas Sombras de Arkron? Fale um pouco sobre você.

DC: Olá, Sou Diego Canuto, amante de literatura fantástica, RPG e games.
DC: Amo fantasia desde que me entendo por gente e desde a muito pequeno adorava brincar de inventar mundos para brincar com os amigos. Com o tempo comecei a arriscar alguns textos e mostrar para algumas pessoas mais próximas que aprovaram e apoiaram que eu prosseguisse.

DC: Foi com esse apoio que arisquei minha primeira publicação entitulada As Sombras de Arkron, lançado na Bienal Internacional do Livro em 2018 pela Editora Skull.

R2PG : Quais são suas principais inspirações?

DC: As musicas da banda Rhapsody, o mangá Berserk, inúmeras partidas de RPG de mesa, Tolkien e afins.

R2PG : Que sistema de RPG você gosta mais?

DC: D&D.

R2PG : Alguma campanha que você jogou influenciou na criação de As Sombras de Arkron?

DC: Não, mas me ajudou a ter ideias.

R2PG : E seu livro já influenciou alguma mesa?

DC: Não as que eu participei (risos) gostaria muito de saber essa resposta também.

R2PG : Do que se trata As Sombras de Arkron?

DC: Uma historia de traição, amizade e inveja que gira em torno de laços de sangue que através de uma pequena ação contra um garoto indefeso molda o destino da terra de Nelim, colocando-a em risco.

R2PG : Os personagens da trama são profundos, mas a narrativa da ação é digna de reconhecimento.
O que te permite escrever combates tão bem?

DC: Sinceramente, eu escrevo como leitor, as coisas que mais amo e que gostaria de ler, coloco todo o mix de experiências que tive e tenho na estória. Talvez esse seja o motivo de o texto ficar bacana. Uma banda que me influenciou muito no processo do As Sombras de Arkron é a Haggard.

R2PG : Como foi o processo de publicação do livro?

DC: Foi muito tranquilo, como foi minha primeira publicação, então a editora foi muito parceira me auxiliando em todos os quesitos.

R2PG : Você tem outras obras?

DC: Tenho sim:

O Dom da Amizade

Niara

O Pecado Escarlate

O Colecionador

R2PG : Como os leitores podem entrar em contato com você?

DC: Através de minhas redes sociais

Instagram : diego_canuto.escritor

Facebook: Diego Canuto

R2PG : Quer deixar algum recado para o pessoal ou fazer alguma consideração final?

DC: O recado que eu deixo é que apoiem mais os autores nacionais porque temos muito material bom que necessita de uma chance de ser lido, tenho certeza que não vão se arrepender.

R2PG : Obrigado pela entrevista e sucesso em todas as suas obras!

DC: Eu que agradeço o espaço.

Huge Discounts on your Favorite RPGs @ DriveThruRPG.com

mm

Classes: Compositor 6º, Viajante para o Passado 4º, Leitura não-popular 5º