Vida dura?

Encontrar possíveis clientes e convencê-los a comprar o pacote de viagens que eles merecem. Disputar os melhores candidatos com vendedores com carros e roupas melhores que a sua. Parece a vida de um agente de viagens, mas na verdade é a morte de um.

Clique e ouça a trilha enquanto lê o artigo!

1422312819-grim-fandango-poster-peter-tsacle
Considerado um dos melhores jogos já feitos, uma das obras primas da LucasArts

Grim Fandango é um adventure criado pela LucasArts em 1998 para Window 95 e 98. Aclamado pela crítica desde seu lançamento, uma versão remasterizada foi lançada em 2015. O dia de los muertos mexicano é a principal inspiração.

 

Desenvolvimento

grim_fandango_remastered_comparison
Muito cuidado em manter o estilo único do jogo foi tomado na remasterização

Tim Schafer é um grande nome para os fãs de adventure. É responsável por grandes jogos da desenvolvedora de George Lucas, como Full Throttle Day of the Tentacle. Grim Fandango foi o resultado de sua ideia de juntar o folclore asteca com elementos de film noir. O jogo possui personagens e cenários pré-renderizados em 3D e diálogos dublados. Foi escrito na linguagem de programação brasileira Lua. Devido a atrasos, foi lançado em 30 de outubro, no fim de semana do dia de los muertos a que o jogo faz menção.
A versão remasterizada conta com novas texturas e melhores cálculos de iluminação, além de trilha sonora estendida e gravada com orquestra real. Ela foi lançada pela atual empresa de Schafer, a Double Fine, que adquiriu os direitos da obra com ajuda da Sony depois que a LucasArts foi comprada e descontinuada pela Disney em 2013. O projeto saiu em 2015 para PlayStation 4, PlayStation Vita, Microsoft Windows, Mac OS X, Linux, Android e iOS. Galerias e comentários foram adicionados no relançamento.

 

Enredo

711ssq8cf4l
Tudo ligado a dinheiro floresce na Terra dos Mortos, inclusive a ganância

Manuel Calavera, ou “Manny”, é um agente de viagens do Departamento de Morte na cidade de El Marrow, na Terra dos Mortos. Seu trabalho é acompanhar as almas dos recém-falecidos e oferecer um pacote de viagens para o Nono Submundo de acordo com sua conduta enquanto vivos. Uma alma boa pode ter direito ao luxuoso Expresso N° 9, que faz a viagem em 4 minutos enquanto um menos puro pode pegar a linha Excelsior – uma viagem a pé que dura por volta de 4 anos.

Durante a longa travessia, muitas pessoas deixam de acreditar no paraíso do Nono Submundo e resolvem ‘viver’ na Terra dos Mortos. Cidades são criadas, classes sociais se destacam e a morte fica cada vez mais parecida com a vida. Demônios de vários tipos são invocados para trabalhar em serviços como mecânicos e ascensoristas. Até descobriram um jeito de matar os mortos, brotando plantas de dentro de seus ossos.

A busca

17992-grimfandango
Manny procurando o melhor pacote para seu cliente

Certo dia, enquanto disputa os melhores clientes (que garantem mais comissão e portanto uma ida mais rápida para o Nono Submundo para os agentes) com o vendedor preferido do chefe Hector LeMans, Manny consegue a pura Mercedes Colomar. Mas por algum motivo, o bilhete do N° 9 não consta no sistema para ela e Manny começa a suspeitar das falcatruas do departamento.

Mercedes, ou “Meche”, é raptada por Domino, o agente de viagens perfeito, e Manny, também movido pela paixão por Meche, larga tudo e vai atrás dela. Glottis, o demônio mecânico da empresa, se torna seu fiel escudeiro nos 4 anos de busca por vários lugares.

Durante a jornada, vários amigos e inimigos cruzam o caminho de Manny e Glottis enquanto o agente repete a façanha de subir ao mais alto posto de onde quer que se encontre em apenas um ano. Coincidentemente, todo dia 2 de novembro, o dia de los muertos, algo importante acontece e Manny deixa seu posto para prosseguir em busca de Meche e de todos os que mereciam o bilhete do N° 9…

O mural asteca que representa a jornada de 4 anos da alma mostra o progresso do jogo

 

Referências

20151111_123249
Uma calaca no Museu da América Latina (SP)

Grim Fandango tem dois pilares culturais: a mitologia asteca e o ambiente film noir. Under a Killing Moon já havia usado uma mistura quase idêntica, mas a ‘pegada’ dos dois é bem diversa. O jogo da LucasArts é bem-humorado e mais leve em muitas situações, apesar do drama e violência noir se fazerem presentes nos momentos certos.

Os personagens humanos são calacas, os bonecos em forma de esqueleto tradicionais do México. Outros animais, como pombos, também existem em forma de esqueletos vivos. Demônios são feitos de algo a mais do que só osso e geralmente são maiores que os humanos, apesar de os servirem seus afazeres como se fosse um vício. O próprio Glottis é viciado em carros e pode morrer se não experimentar altas velocidades por muito tempo.

O visual dos cenários e roupas remete aos anos 30 e vão de urbano ao fundo do mar. Elementos da cultura mexicana são bem inseridos nos costumes da sociedade do jogo.

 

 

A Música de Grim Fandango

Muitos filmes antigos americanos tinham cenas extensas de bandas de jazz tocando em um restaurante ou baile. Você vai se sentir em um desses bailes durante a maior parte do jogo. Em algumas partes a música tradicional dá um clima a mais na trama.

A música foi feita para que, ao sair de um ambiente para outro, se pareça que entre outra parte da mesma faixa. Em jogos, isso é geralmente feito com música modular, mas não é o caso aqui. São de fato trilhas independentes, mas pensadas para não quebrar o balanço do ouvinte se trocadas entre si em qualquer momento.

1422573337-soundtrack-cover-art
A música quase modular dá uma funcionalidade imensa à trilha

A trilha composta por Peter McConnell foi originalmente produzida no programa Pro Tools, com amostras de instrumentos reais. Para a versão de 2015 a Orquestra Sinfônica de Melbourne gravou todas as faixas e mais algumas adicionadas por McConnell.

Grim Fandango – big band, bebop and bones foi lançado com o jogo em 1998 e contém 32 faixas.

Grim Fandango Remastered (Director’s Cut) inclui 51 faixas.

 

Um agente de viagens para o passado

Grim Fandango sobreviveu ao tempo muito bem, como prova a versão remasterizada, que manteve até os modelos em 3D de 1998. Mesmo quem jogar a versão original não vai sentir o peso dos anos nem mesmo na parte gráfica.

A versão brasileira do original é impecável e o ‘portunhol’ de alguns personagens só aumenta o tom de humor que o jogo oferece.

Um autêntico adventure à moda antiga que marcou história te espera. Jogue antes de morrer, senão talvez (só talvez) seja tarde demais.

 

Bilhetes N° 9

Jogo Original – Dublado em português do Brasil

Residual VM – Espécie de emulador feito para jogos antigos da LucasArts

GF Remastered – Versão para Windows

Big band, bebop and bones – Trilha original

Grim Fandango Remastered (Director’s Cut) – Trilha gravada pela O. S. de Melbourne

 

 

 

 

 

Save

mm

Classes: Compositor 6º, Viajante para o Passado 4º, Leitura não-popular 5º